Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
19/07/19 às 17h55 - Atualizado em 25/07/19 às 15h26

Quermesse do Templo Budista começa no próximo dia 3

COMPARTILHAR

Pela primeira vez, evento terá o apoio da Secretaria de Turismo

 

 

 

A tradicional quermesse do Templo Shin Budista Terra Pura de Brasília terá início no próximo dia 3 de agosto. Durante todos os fins de semana desse mês, a população de Brasília e turistas poderão usufruir de espetáculos de danças, de artes marciais, de música e de tambores japoneses. Os visitantes também poderão praticar yoga e tai chi. Ainda há exposição de produtos orientais e barracas com a gastronomia da região.

 

Pela primeira vez na história de Brasília, a Secretaria de Turismo do Distrito Federal (Setur-DF) irá apoiar esse evento que já é realizado há 46 anos. Para discutir os últimos preparos para essa festa tradicional, estiveram reunidos no Templo Budista, na quarta-feira (17), o monge Sato, responsável pelo Templo, a secretária de Turismo do Distrito Federal, Vanessa Mendonça, a administradora de Brasília, Ilka Teodoro, o coordenador de Assuntos Religiosos do DF, Kildare Araújo Meira, e representantes das quadras e dos comércios vizinhos ao Templo.

 

“O Turismo é a indústria da paz e tem um poder único de unir os povos. O Templo e esse evento são muito importantes na nossa gestão. A nossa intenção é promover, da melhor forma possível, esse espaço para a nossa população e turistas”, destacou a secretária de Turismo, Vanessa Mendonça. Ela ainda frisou que o Templo é um patrimônio tombado de Brasília e que fará parte da Rota Mística e Religiosa que está sendo elaborada pelo Setur.

 

Para o monge Sato, o apoio da Secretaria de Turismo é muito importante para a divulgação e preservação desse espaço. “O Turismo e a Cultura são muito importantes para Brasília e para o Templo. Fomos tombados como patrimônio há cinco anos. No Japão, não só os templos são atrações turísticas, mas todas as vias de acesso também se beneficiam dessa movimentação”, falou Sato.

 

A administradora Ilka Teodoro disse que a Administração de Brasília se dispõe a colocar toda a sua estrutura à disposição do Templo para que esse evento aconteça. “A quermesse do Templo Budista já é um evento tradicional e muito importante para a comunidade. Há muito tempo apoiamos. O Templo é um monumento turístico, histórico e cultural que, tradicionalmente agrega e reúne toda a comunidade que está ao seu redor”, comentou.