Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
25/03/13 às 18h14 - Atualizado em 25/03/13 às 18h27

GDF recebe Prêmio Guardiões da Água

COMPARTILHAR

A gratificação da Adasa reconhece os esforços do governo em preservar os aquíferos do DF por meio da criação de parques

O Governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz, recebeu, nesse fim de semana, o Prêmio Guardiões da Água, da Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento do Distrito Federal (Adasa). A gratificação reconhece os esforços do governo em preservar os aquíferos do DF por meio da criação de parques. A entrega ocorreu na inauguração de mais um espaço verde voltado para a convivência da população, o Parque Bosque, no Sudoeste. O vice-governador Tadeu Filippelli, a primeira dama Ilza Queiroz e os secretários Luis Otávio Neves (Turismo) e Eduardo Brandão (Meio Ambiente e Recursos Hídricos) participaram da solenidade.

“O maior prêmio será o da população, ao receber mais um instrumento importante na melhoria da qualidade de vida e saúde dos moradores. O grande objetivo é investir no desenvolvimento sustentável e planejar Brasília para os próximos anos como uma Cidade Parque”, afirmou Agnelo Queiroz.

O prêmio foi entregue pelo diretor-presidente da Adasa, Vinicius Benevides, que destacou o programa Brasília, Cidade Parque, desenvolvido na gestão de Agnelo, como uma das grandes iniciativas no DF para preservar os córregos que cortam os parques. “Além disso, Brasília é uma das concorrentes para sediar o Fórum das Águas, um dos maiores eventos internacionais para discutir as políticas do setor. Isso mostra os avanços que tivemos nessa área”, pontuou Benevides.

O Parque Bosque do Sudoeste é o 30º espaço de lazer que o GDF está desenvolvendo no Distrito Federal, por meio da Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh). O espaço de lazer possui quadras poliesportivas e de areia, anfiteatro, playground, aparelhos de ginástica, banheiros e ciclovia, além de 500 espécies de mudas plantadas no local. O investimento foi de R$ 3 milhões, realizado por meio de compensações ambientais previstas no programa Brasília, Cidade Parque e apoio de instituições públicas e privadas.

“Com a meta de chegar a 72 parques ecológicos no Distrito Federal, o GDF reafirma o compromisso com a qualidade de vida da população. Nós, da Secretaria de Turismo, acreditamos que cidade boa para o turista é cidade boa para o morador. Fico feliz que estejamos seguindo por este caminho, que é o mais correto do ponto de vista da sustentabilidade, e é o caminho que eu acredito”, disse Luis Otávio Neves.

Durante o evento, os Correios apresentaram lançaram o selo especial em comemoração ao Ano Internacional de Cooperação pela Água, instituído ela Unesco em 2010. O bloco é composto por dois selos representando o uso pacífico e sustentável dos recursos hídricos. A água é mostrada de forma cíclica, simbolizando o uso sustentável.