Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
7/03/13 às 14h45 - Atualizado em 11/10/17 às 16h44

Faltam 100 dias para a abertura da Copa das Confederações da FIFA 2013

COMPARTILHAR

O Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha receberá a abertura da Copa das Confederações, em 15 de junho.

Nesta quinta-feira (7), o Brasil estará a 100 dias do início da Copa das Confederações da FIFA 2013. Brasília entra na reta final dos preparativos para receber o jogo de abertura: a Seleção Brasileira enfrentará o Japão em 15 de junho, às 16h, no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha. A Ecoarena está com a sua execução 90% concluída e será inaugurada em 21 de abril de 2013, data do aniversário da cidade.

Na cidade, há grande expectativa para a abertura da Copa das Confederações. De acordo com a FIFA, a partida bateu recorde de procura nas primeiras 24 horas de vendas de ingressos para a competição. A pré-venda registrou um total de 186 mil pedidos para o torneio, sendo 37 mil para Brasília: o Estádio Nacional tem capacidade para cerca de 71 mil torcedores.

Os operários trabalham na instalação da membrana, que é a terceira fase da cobertura. Os 90 mil m² de material estão divididos em duas camadas: uma superior e outra inferior, como uma espécie de forro. A película principal está sendo instalada no topo da cobertura, repartida em 48 módulos. Desses, 15 já estão posicionados. A montagem da lona está sendo realizada por duas equipes, com cerca de 100 trabalhadores. A previsão é que a cobertura seja concluída até o fim de março.

“Estamos na reta final e a todo vapor. Temos várias frentes de trabalho atuando no acabamento da estrutura, dos vestiários aos camarotes; nas arquibancadas, preparando-a para a colocação das cadeiras; e na montagem da membrana da cobertura. Já estamos liberando o centro do campo para a colocação do gramado”, afirmou o secretário Extraordinário da Copa, Claudio Monteiro. A grama – que chegará, em rolos, de Sergipe – será plantada após a liberação do campo.

Entre as etapas restantes estão a colocação dos assentos, do gramado e dos dois conjuntos de placares eletrônicos. Todas as cadeiras já foram fabricadas. Grande parte do concreto das arquibancadas está furado para a instalação dos parafusos de fixação dos assentos.

Com 71 mil assentos, um dos diferenciais da Ecoarena é a distância de apenas 7,5m do campo de futebol e seu rebaixamento em 4,8m de sua altura original, o que permitirá maior visibilidade em todos os pontos do estádio e dará à torcida a impressão de estar praticamente no gramado.

 

*Com informações da Agência Brasília