Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
18/02/20 às 18h09 - Atualizado em 18/02/20 às 18h09

Encontro com empresários debate parcerias com a iniciativa privada

COMPARTILHAR


Setur participou a convite da Junta Comercial, Industrial e Serviços do Distrito Federal

 

Foto Luís Tajes/Setur-DF

 

A Setur-DF participou, nesta terça-feira (18), de uma roda de conversas com mais de 30 representantes do empresariado do DF. O encontro foi promovido pela Junta Comercial, Industrial e Serviços do Distrito Federal (Jucis-DF), com o objetivo de reunir as principais demandas dos empresários e dar o devido andamento junto aos órgãos do governo. A finalidade do projeto, chamado Café com Negócios, é estimular o desenvolvimento do empreendedorismo, fomentando assim outras áreas relacionadas, como o turismo.

 

A secretária de Turismo do DF, Vanessa Mendonça, convocou os empresários a pensar em estratégias para ampliar a participação do empresariado local em grandes eventos. “Estamos transformando Brasília com a iniciativa privada. Já recebemos grandes eventos e temos toda a infraestrutura necessária para isso. Contamos com uma excelente rede hoteleira, o melhor aeroporto do País, o terceiro pólo gastronômico nacional. Precisamos transformar isso em negócios, pois o nosso setor pode fazer muito pela economia da nossa cidade e gerar cada vez mais renda e emprego. Temos que defender, com muita união, tudo o que a nossa cidade representa”, destacou.

 

Para o presidente da autarquia, Walid Sariedine, a iniciativa deverá se tornar um ponto de encontro para empresários se conhecerem e fecharem parcerias proveitosas para o DF. “A nossa ideia é que essa reunião ajude a entregar informações para as secretarias do GDF que possam subsidiar a formulação de políticas que façam o melhor para a nossa cidade. Isso motiva o governo e a gente também”, disse.

 

Fotos Luís Tajes/Setur-DF

A CEO da Mega3 Eventos, Juliana Arruda, participou como moderadora do evento e destacou o aspecto criativo da cidade como impulsionador de parcerias entre o governo e a iniciativa privada. “Brasília é uma cidade criativa. Temos o turismo arquitetônico, místico, de aventura, entre diversos outros pontos. Mas além de tudo isso, nós temos vários empresários muito criativos. Precisamos explorar toda essa capacidade e unir forças, para que os empresários de Brasília sejam sempre uma prioridade em eventos na nossa cidade”.