Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
8/11/13 às 19h27 - Atualizado em 11/10/17 às 16h45

Brasília e Bruxelas se tornaram irmãs-nação

COMPARTILHAR

Antes de visitar o estande de Brasília, candidata à Universíade 2019, o governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz assinou, nesta sexta-feira (8), dois acordos de cooperação, em Bruxelas, na Bélgica. Sendo um com o governador belga, Rudi Vervoot e outro com o ministro da Educação Pascal Smet.

Os convênios assinados propiciarão acordos entre as cidades nas áreas de educação, recursos humanos, pesquisa e tecnologia. A expectativa é de que a partir do segundo semestre de 2014, por meio do programa Brasília sem Fronteiras da Assessoria Internacional do GDF, um grupo de estudantes e servidores públicos do Distrito Federal realize intercâmbio em instituições de ensino e pesquisa belgas.

O secretário de Turismo do Distrito Federal, Luis Otávio Neves está confiante de que Brasília seja sede da Universíade 2019 e acredita que os acordos possibilitem trocas de experiências com o governo belga. “Tenho esperanças de que neste sábado, às 16 horas (horário de Brasília), Brasília seja escolhida como sede da Universíade 2019”, disse.

Ele reforçou que com os preparativos para os grandes eventos esportivos captados para os próximos anos, a cidade se prepara cada dia mais para ser a anfitriã. “No fim deste ano, receberemos 1,7 mil estudantes dos Jogos Mundiais Escolares – Gymnasíade. Brasília está entre as subsedes de Copa do Mundo de 2014 que mais solicitaram. Ontem foi anunciado que o Campeonato Mundial Masculino de Fisiculturismo de 2014 será em Brasília”, disse.

Para o secretário-chefe da Assessoria Internacional do GDF, Odilon Frazão, que coordena o programa de intercâmbio, o acordo é importante, porque propicia esta troca cultural. Frazão citou que a presença do reitor da Universidade Livre de Bruxelas, por meio do professor, François Engler, que descobriu a partícula Bozon de Higgs, no acelerador nuclear de Genebra, em 2011.

Participam da missão oficial do GDF os secretários de Ciência e Tecnologia, Glauco Rojas, além do presidente da Novacap, Nilson Martorelli, e do deputado distrital Washington Mesquita.